PSDB cobra esclarecimento da Fazenda sobre propina

Senadores do PSDB protocolaram nesta segunda-feira, 15, um requerimento pedindo esclarecimentos ao ministro da Fazenda, Guido Mantega, sobre as denúncias de envolvimento de assessores da pasta com recebimento de propina. O documento foi apresentado pelos senadores Aloysio Nunes (SP) e Alvaro Dias (PR) à Mesa Diretora da Casa.

RICARDO DELLA COLETTA, Agência Estado

18 de novembro de 2013 | 17h38

O chefe de gabinete do ministro, Marcelo Fiche, e seu substituto, Humberto Alencar, tornaram-se alvos de investigação da Fazenda e da Polícia Federal após a revista "Época" apontar que eles teriam recebido R$ 60 mil da empresa Partnersnet Comunicação Empresarial, que presta serviços de assessoria de imprensa à pasta. Os tucanos pedem cópia do contrato entre o Ministério e a empresa e perguntam se a companhia presta contas à pasta de sua atuação. Os senadores também querem saber quantos funcionários da Partnersnet atuam na Fazenda.

Aloysio Nunes e Alvaro Dias protocolaram, ainda, um outro requerimento sobre o caso, desta vez na Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle do Senado. Nele, eles pedem que os envolvidos nas denúncias - Fiche e Alencar - compareçam ao Senado para fornecer explicações. Os parlamentares também querem a presença de Anne Paiva, ex-secretária da empresa Partnersnet que fez as acusações contra os dois assessores à revista.

"A matéria apresenta fortes indícios de irregularidades, tanto que informa já existirem duas investigações em curso: uma interna do Ministério e outra da Polícia Federal", escrevem os parlamentares nos requerimentos.

Tudo o que sabemos sobre:
PSDBFazendapropina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.