Reprodução
Reprodução

PSDB aposta em comerciais com cobranças aos congressistas

Sem políticos, vídeo de 30 segundos com personagens trabalhadores é tentativa de mostrar que o partido 'ouve' os brasileiros

Erich Decat, O Estado de S.Paulo

08 de maio de 2017 | 19h47

BRASÍLIA - Sem imagens de políticos, o PSDB inicia nesta terça-feira, 9, a divulgar dois comerciais institucionais em que os personagens centrais são trabalhadores de diferentes categorias que fazem cobranças aos congressistas.

Os vídeos de 30 segundos, que o Estado teve acesso, servirão como uma forma de “convocar” os telespectadores para o programa de 10 minutos do partido, que vai ao ar, em cadeia nacional, nesta quinta-feira, 11.

Em cada um dos vídeos são destacados três “personagens” representando algumas categorias. Entre eles está um senhor posicionado em frente a uma banca de tomates com uma balança ao centro. “Você não está na política para melhorar de vida, mas para que o povo melhore de vida”, diz.

Na sequência, o recado é dado por uma senhora dentro de um ateliê. “Não gaste mais do que pode. Quem vai repor esse dinheiro não é você, são os brasileiros”, afirma. Por fim, um jovem dentro de um galpão diz: Não faça discursos. Faça”. No final de cada um dos vídeos, surge um locutor que ressalta reconstrução do País “começa pelos princípios”.

Segundo integrantes do partido envolvidos na elaboração dos teasers, a ideia é tentar demonstrar aos eleitores que o PSDB “está ouvindo os brasileiros e concordando com eles na necessidade de fazer reformas profundas na política brasileira”.

Tudo o que sabemos sobre:
PSDBvídeo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.