Reprodução Facebook/Gilberto Kassab
Reprodução Facebook/Gilberto Kassab

PSD, de Kassab, oficializa apoio a Alckmin e coligação com Doria

Candidato tucano à presidência almoçará na casa do ministro para ouvir conselhos

O Estado de S.Paulo

28 Julho 2018 | 17h35

O Partido Social Democrático (PSD), comandado pelo ministro de Ciência e Tecnologia e Comunicações, Gilberto Kassab, oficializou neste sábado durante convenção nacional realizada na capital paulista, a sede do partido, o apoio ao pré-candidato à Presidência da República, Geraldo Alckmin (PSDB). Para a disputa pelo Palácio dos Bandeirantes, no Estado de São Paulo, foi aprovada a coligação com o tucano João Doria.

A decisão já era esperada. Na quinta-feira, o empresário Guilherme Afif Domingos, que pretendia ser o candidato à Presidência pelo PSD, declarou que discordava da decisão do partido de se unir ao Centrão e apoiar Alckmin.

Bastidores. Como não vai ter tempo para participar da convenção do PSD, Geraldo Alckmin vai almoçar hoje na casa do ministro Gilberto Kassab. Mas, mais do que o gesto, Alckmin quer mesmo é ouvir a opinião de Kassab sobre a escolha do seu candidato a vice. Kassab é reconhecido até pelos adversários pela sua capacidade de articulação política. Com a escolha indefinida e com os partidos do Centrão brigando entre si pela indicação, o tucano quer aproveitar toda ajuda possível para desenrolar esse nó político.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.