PSB diz que escolha da mesa deve seguir proporcionalidade

Após eleições no Congresso, partidos buscam acordo e fim do impasse na escolha dos cargos da Mesa Diretora

Agência Brasil

03 de fevereiro de 2009 | 12h33

Na primeira reunião de líderes no Senado este ano, os partidos buscam acordo e fim do impasse na escolha dos cargos da Mesa Diretora.   O líder do PSB, senador Renato Casagrande (ES), disse que a escolha deve ser feita pelo critério da proporcionalidade entre os partidos "Se isso não for respeitado, pode sair guerra, mas a tendência é que tudo caminhe para o acordo."   Os líderes estão reunidos na Presidência. O senador José Sarney (PMDB-AP), eleito na terça-feira presidente da Casa, não participa das discussões. Ele participa a posse do senador José Jorge (DEM-PE) como ministro do Tribunal de Contas da União (TCU).

Tudo o que sabemos sobre:
Sucessão no SenadoPSDB

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.