Protógenes dá palestra para PSOL

nomeNo dia em que o presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, criticou a "partidarização" do serviço público, o delegado Protógenes Queiroz, mentor da Satiagraha, participou ontem, a convite do PSOL, de palestra sobre corrupção na Assembléia Legislativa de São Paulo.Protógenes refutou as acusações de que tenha uma postura partidarizada, conforme disse o superintendente da Polícia Federal, Luiz Fernando Corrêa. Apesar de ter participado de vários atos promovidos pelo PSOL nas últimas semanas, ele insistiu em que os eventos contam com a presença de políticos de outros partidos. Recentemente, o delegado recebeu manifestações de apoio de vários políticos. "Este servidor não vai se furtar ou obstar a presença de nenhum político", disse. Ele fez elogios ao delegado Ricardo Saadi, seu substituto na Satiagraha que "honra o nome da PF", e disse que o novo relatório confirma seu trabalho. "Ratifica toda a coleta de dados feita anteriormente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.