Protesto pede saída de Yeda do governo

Cerca de 4 mil pessoas participaram, ontem, de mais um protesto contra a governadora Yeda Crusius (PSDB), em Porto Alegre. Os manifestantes reuniram-se diante da sede do Ministério Público Federal e seguiram em passeata até a Praça Marechal Deodoro. Nos discursos, os líderes pediram que a governadora seja afastada do cargo. O governo do Estado não se pronunciou sobre a manifestação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.