Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Protesto contra Dilma reúne 1 milhão na Paulista, diz PM

Nove carros de som estão espalhados pela avenida, o maior deles do movimento Vem Pra Rua; Estação Trianon-Masp foi fechada

O Estado de S. Paulo

15 de março de 2015 | 15h37

SÃO PAULO - Nove carros de som estão espalhados pela Avenida Paulista, na região central de São Paulo, na tarde deste domingo, 15, e são acompanhados por um público de cerca de 1 milhão de manifestantes, segundo a última atualização da Polícia Militar. O maior carro é um trio elétrico do movimento Vem Pra Rua, que está estacionado de forma perpendicular à Paulista, na esquina com a Rua Pamplona. Segundo o Metrô, a Estação Trianon-Masp precisou ser fechada por causa do excesso de passageiros.

Cem metros adiante, entre a Pamplona e a Peixoto Gomide, está o carro do Movimento Endireita Brasil, que levou um boneco de Lula na prisão. Mais adiante, na esquina com a Peixoto Gomide está o veículo do Revoltados Online. A maior concentração de carros de som está nas proximidades do Museu de Arte de São Paulo (Masp). O Movimento Brasil Livre estacionou um trio elétrico em frente ao vão do museu. 

Do outro lado, em frente ao Parque Trianon, estão três carros de grupos que pedem a intervenção militar: o SOS Forças Armadas, o Intervenção Já e o Quero Me Defender.

Entre as Ruas Ministro Rocha de Azevedo e a Padre João Manuel, em frente ao Parque Mário Covas, está o primeiro de dois carros trazidos pelo partido Solidariedade. O segundo está em frente ao Conjunto Nacional, próximo da esquina com a Augusta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.