Projeto prevê reajuste de 143% para Yeda

Projeto do presidente da Assembléia gaúcha, Alceu Moreira (PMDB), propõe aumento de 143% para os vencimentos da governadora Yeda Crusius (PSDB), que passariam de R$ 7,1 mil para R$ 17,3 mil. A governadora defendeu o reajuste alegando que tanto ela quanto os secretários e diretores de estatais precisam ter remunerações compatíveis com suas responsabilidades. Os vencimentos do vice-governador, Paulo Afonso Feijó (DEM), e dos secretários de Estado, passariam de R$ 6,1 mil para R$ 11,5 mil. Os deputados do PT consideram a proposta inoportuna.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.