Projeto das PPP está errado, diz Virgílio

O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio, disse há pouco que não sabe o que os governos de Minas Gerais, São Paulo e Goiás estão adotando como regra para instituir a Parceria Público Privada, mas tem certeza de que o projeto proposto pelo governo federal, que tramita no Senado, está errado. "Se eu fosse deputado goiano ou paulista poderia falar pelas leis adotadas naqueles Estados. Mas sou um senador do Brasil. E aqui eu sei que o projeto está errado e vai abrir uma janela escancarada para o endividamento público e a desmoralização da lei fiscal", disse Virgílio.A declaração de Virgílio foi em resposta ao líder do governo no Senado, Aloizio Mercadante, que disse que considera contraditória a atitude do PSDB, adotada no Senado, contra a votação da PPP, já que três Estados governados por tucanos adotaram a regra da parceria.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.