Procuradoria de AL denuncia mais 12

O Ministério Público Federal em Alagoas apresentou a terceira denúncia com base nas investigações da Operação Carranca, contra 12 pessoas acusadas de envolvimento no desvio de recursos federais destinados a obras públicas em municípios alagoanos. Cinco delas foram presas em novembro, quando a operação da Polícia Federal foi deflagrada. As investigações iniciais estimam que o montante desviado no esquema seria de cerca de R$ 55 milhões. Em novembro, quando foram cumpridos os mandados de prisão e de busca, a Justiça determinou também o seqüestro de 31 imóveis e 35 veículos, além do bloqueio de 18 contas bancárias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.