Procuradores acusam Cassol de intimidação

A Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) emitiu nota ontem para manifestar apoio ao Ministério Público Federal em Rondônia, que pediu na semana passada o afastamento do governador de Rondônia, Ivo Cassol (sem partido). O pedido foi acolhido pela Justiça Federal, mas o governador se mantém no cargo mediante recurso obtido no Tribunal Federal de Recursos (TFR-1). Cassol teria tentado intimidar a procuradoria. "A ANPR afirma que as tentativas de intimidação à atuação dos procuradores da República serão veementemente combatidas", afirma a nota.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.