Procuradora pede para Nicolau voltar à cadeia

A procuradora da República, Janice Agostinho Barreto Ascari, requereu hoje à 1ª Vara Criminal Federal em São Paulo a revogação da prisão domiciliar do juiz Nicolau dos Santos Neto. O pedido foi feito com base no laudo do Instituto de Medicina Social e de Criminologia (Imesc) da Secretaria da Justiça, sustentando que Nicolau é portador de quadro depressivo de "leve para moderado". O ex-presidente do Tribunal Regional do Trabalho está em regime de prisão domiciliar desde 29 de junho. O juiz Casem Mazloum - que concedeu a domiciliar - recebeu o pedido da procuradora, mas antes de decidir o destino de Nicolau quer que a defesa se manifeste no prazo de três dias. Depois disso é que o juiz Mazloum vai decidir se manda Nicolau de volta para a Custódia da Polícia Federal ou se mantém a domiciliar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.