Procurador eleitoral é contra cassação de Wilma de Faria

O vice-procurador-geral eleitoral, Paulo da Rocha Campos, acaba de emitir parecer contrário ao pedido de cassação da governadora do Rio Grande do Norte, Wilma de Faria (PSB), feito pela coalizão Unidade Popular, formada por PMDB, PSDB, PPB, PCdoB, PPM e PSD. O procurador considerou descabido o pedido feito pelo bloco, sob alegação de Wilma ter usado a máquina da prefeitura de Natal, então comandada por ela, para se eleger governadora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.