Procon diz que bilhete Vasp vale para outras empresas

Os passageiros da Vasp prejudicados pela greve dos funcionários da companhia poderão realizar os vôos nas empresas concorrentes. A Varig, TAM e Gol aceitam os bilhetes, desde que eles sejam endossados pela Vasp. Essas empresas ressalvam que o transporte só ocorre se houver assentos vagos no vôo.A Fundação Procon informa que as empresas aéreas devem fazer valer o direito do passageiro, transferindo-o para outra companhia ou arcando com as despesas.A Vasp vem perdendo há meses participação no mercado. Segundo os últimos dados da aviação divulgados pelo DAC, relativos a agosto, a Vasp terminou o período janeiro/agosto com 11,59% de faixa de mercado e produtividade de 58%, a mais baixa entre as quatro maiores empresas. A Vasp tinha no ano passado, até agosto, 12,62% de market share e índice de ocupação de 56%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.