Primeiro-ministro italiano inicia visita o Brasil nesta segunda

O primeiro-ministro da Itália, Romano Prodi, inicia nesta segunda-feira, 26, em São Paulo, sua primeira visita oficial a um país das Américas, liderando uma comitiva de empresários que atuam em setores estratégicos da economia daquele país.Segundo a programação divulgada pelo Itamaraty, em São Paulo, Prodi será recebido pelo governador José Serra, proferirá palestra na Fundação Getúlio Vargas e manterá encontros com empresários na Fiesp e na Câmara de Comércio Brasil-Itália.Na terça-feira, 27, em Brasília, o primeiro-ministro italiano se encontrará com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Palácio do Planalto, e será homenageado com almoço no Palácio Itamaraty. Será também recebido pelos presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. Neste dia, há a expectativa de que um acordo para a extradição do escritor italiano Cesare Battisti, apontado como terrorista ligado ao grupo extremista italiano Brigadas Vermelhas, esteja na pauta dos encontros. Durante o encontro com o presidente Lula deverão ser discutidos, entre outros temas, a cooperação econômica e comercial, especialmente nas áreas de infra-estrutura e energias renováveis, com ênfase em biocombustível; integração regional na Europa e na América do Sul; acordo Mercosul-União Européia; Mecanismos Inovadores de Financiamento ao Desenvolvimento; Rodada Doha da OMC; fortalecimento do multilateralismo e reforma da ONU.O fluxo do comércio entre Brasil e Itália vem batendo recordes sucessivos nos últimos anos (US$ 6,4 bilhões em 2006). A Itália ocupa o 12º lugar entre os países investidores no Brasil, com estoque de US$ 4,4 bilhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.