Primeiro debate após horário eleitoral reunirá 9 candidatos em SP

Primeiro encontro entre os principais candidatos à Prefeitura após o início do horário eleitoral gratuito, o debate desta segunda na TV Record deve consolidar a polarização da disputa entre a prefeita Marta Suplicy (PT) e José Serra (PSDB). ?É um debate crucial?, define a socióloga Fátima Pacheco Jordão, apostando numa audiência acima da média para o horário, 22 horas. ?Há uma porcentagem importante de pessoas que poderão votar tanto na Marta, quanto no Serra. Essas pessoas deverão usar o debate para tirar dúvidas.? Se a troca de críticas e acusações entre os candidatos têm aumentado na campanha de rua e começa a esquentar no horário eleitoral, a temperatura deve subir ainda mais nesta segunda. ?Como a disputa é grande, deve haver provocações mútuas, mas dentro de uma convivência civilizada?, avalia o jornalista Bóris Casoy, que mediará o debate. Serão nove participantes: Marta, Serra, Paulo Maluf (PP), Luiza Erundina (PSB), Paulo Pereira da Silva (PDT), Havanir Nimtz (Prona), José Luiz Penna (PV), Ciro Moura (PTC) e João Manuel (PSDC). ?O debate é a melhor forma até agora de aferir o candidato?, diz Casoy. ?É claro que os candidatos vêm preparados, mas não são pacotes feitos (como no horário eleitoral).? É a oportunidade de contrapor idéias, completa ele, ao contrário do que acontece na propaganda gratuita no rádio e na TV. ?O horário eleitoral é um pacotão maquiado, propaganda no pior sentido. É um lixo.? Regras Para o jornalista, o horário gratuito deve ser reformulado ? valorizar o embate de idéias, sem tanta parafernália publicitária ? e também a legislação eleitoral para a realização de debates. ?Ele vai ao ar engessado porque você é obrigado a aplicar critérios de igualdade para candidatos de pesos diferentes?, afirma Bóris Casoy. ?O ideal seria ter o menor número possível de pessoas, quatro ou cinco, levando em consideração o peso dos partidos. Há vários critérios que podemos adotar. O tratamento obrigatório por lei nivela por baixo a cobertura (jornalística no rádio e na televisão) e os debates.? O debate de hoje será dividido em cinco blocos e tem duração prevista de duas horas. Os candidatos trocarão perguntas nos três primeiros blocos. Cada um só poderá ser questionado uma vez. A pergunta pode durar até 30 segundos e a resposta, 1 minuto. Quem perguntou poderá fazer um comentário de 30 segundos e quem respondeu terá mais 30 segundos de tréplica. A ordem de participação foi definida por sorteio. João Manuel (PSDC) será o primeiro a perguntar em todos os blocos. No quarto bloco, os candidatos responderão a uma mesma pergunta do mediador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.