Preso mais um suspeito de matar sem-terra em Minas

A Polícia Militar prendeu hoje mais um suspeito de envolvimento no assassinato de cinco integrantes do MST, em Felisburgo, no interior de Minas Gerais. Segundo a PM, o homem, identificado como Sebastião Cardoso, foi detido na cidade, que fica no Vale do Jequitinhonha.Cardoso confirmou ao delegado Wagner Pinto, que preside o inquérito, que trabalha há 18 anos para o fazendeiro Adriano Chafik Luedy, de 37 anos, apontado como possível mandante dos crimes. A prisão temporária do fazendeiro já foi decretada pela Justiça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.