Presidente do TSE rebate críticas e diz que lei é necessária

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Carlos Ayres Brito, do Supremo Tribunal Federal, rebateu as declarações do presidente Luiz Inácio Lula da Silva segundo as quais a legislação eleitoral contém hipocrisia e falso moralismo ao proibir assinatura de contratos de obras públicas no segundo semestre. "A lei não é hipócrita, é necessária", disse Britto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.