Presidente do PSDB articula candidatura de Alckmin a prefeito

Sérgio Guerra teria costurado com Serra e FHC nome do ex-governador para ser o candidato do partido em SP

CIDA FONTES, Agencia Estado

25 de março de 2008 | 17h20

A candidatura do tucano Geraldo Alckmin à Prefeitura de São Paulo, nas eleições 2008,  já está avalizada pelos principais líderes do PSDB paulista, inclusive o governador José Serra e o ex-presidente Fernando Henrique. A costura política foi feita nesta terça-feira, 25,  pelo presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), que conversou separadamente com todos os envolvidos nessa articulação. O próximo passo agora é acertar uma aliança entre o PSDB e o DEM para um eventual segundo turno contra a petista Marta Suplicy.   Veja também:   Kassab defende aliança DEM-PSDB para pleito em SP Candidatura de Alckmin divide cardeais tucanos Na quinta, as cúpulas do PSDB e DEM se reúnem em Brasília para conversar sobre os acordos eleitorais de outubro. "Todo esforço é para não ter dificuldades no segundo turno e que os dois candidatos (Alckmin e Gilberto Kassab) criem as condições de estarem juntos no segundo turno para a vitória que esperamos", afirmou Guerra.Já convencido da impossibilidade de uma candidatura única do PSDB e DEM na capital paulista, Sérgio Guerra convocou para hoje uma reunião da Executiva Nacional para estabelecer regras das alianças municipais. Os tucanos entrarão no páreo mais flexíveis que o PT e aceitarão fazer coligações com todos os partidos da base aliada, inclusive o PT. "Só não vamos aceitar bandidos ou inimigos declarados do PSDB", afirmou o senador tucano.As direções partidárias só vão interferir em caso de problemas graves. Se os conflitos surgirem em municípios com menos de 50 mil habitantes, a decisão ficará a cargo do diretório estadual. O comando nacional interferirá apenas nas cidades com mais de 50 mil habitantes. "As eleições municipais têm características próprias e teremos compreensão ampla e flexível e desejo que tudo se resolva em nível local", afirmou Sérgio Guerra, acrescentando que o PSDB não vai nacionalizar as eleições municipais.

Tudo o que sabemos sobre:
PSDBDEMeleições 2008

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.