Presidente do Incra aprova proposta de Justiça Agrária

O presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Rolf Hackbart, considerou positiva a proposta de criação de Justiça Agrária feita pelo presidente Lula. "Já existem varas agrárias em alguns Estados. São positivas pois permitem a especialização de pessoas que tratam do assunto. A Justiça Agrária organiza melhor a demanda, as pessoas sabem a quem se dirigir e à própria estutura do Judiciário?, avaliou. Ele disse que os procuradores e juízes com quem tem conversado, que tratam dessas questões, não estudaram direito agrário. ?Eles poderiam se especializar e tratar melhor do assunto. Muitos não têm noções sobre o meio rural, apesar de seus esforços?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.