Presidente Dilma deixa Porto Alegre antes do esperado

A presidente Dilma Rousseff deixou Porto Alegre por volta das 8 horas deste domingo, mudando a agenda planejada, segundo a qual ela ficaria com a família até amanhã de manhã, quando embarcaria para Rio Grande, no sul do Rio Grande do Sul.

TÁSSIA KASTNER, Agência Estado

16 de setembro de 2012 | 09h58

A assessoria de imprensa da Presidência não confirmou o destino de Dilma, mas reforçou que a equipe segue trabalhado em Rio Grande para a agenda presidencial marcada para amanhã. Dilma deve inaugurar uma sede administrativa da Petrobras em Rio Grande e fazer uma vistoria nas plataformas que estão sendo construídas para a estatal no município.

Na sexta-feira, quando decolou para Porto Alegre, a presidente também fez uma modificação em sua agenda, cancelando sua estadia em São Paulo, por motivos familiares.

Carlos Araújo, ex-marido da presidente, que sofre de enfisema pulmonar, esteve internado por cinco dias no Hospital Santa Casa, na capital gaúcha. A casa dele, na zona sul da capital, foi o primeiro destino de Dilma ao chegar em Porto Alegre. Havia ainda a possibilidade de que houvesse uma festa de aniversário para o neto Gabriel, que completou dois anos no último dia 9.

Tudo o que sabemos sobre:
DilmaviagemPorto Alegre

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.