Presidente da UNE pede saída de Meirelles a Lula

Em ato no Planalto, Lúcia disse que repetiu que era preciso mudar a política macroeconômica do País

LEONENCIO NOSSA, Agencia Estado

27 de novembro de 2008 | 12h16

A direção da União Nacional dos Estudantes ( UNE) voltou a pedir nesta quinta-feira, 27,  a demissão do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, só que desta vez ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em ato no Palácio do Planalto, a presidente da UNE, Lucia Stumpf, fez o mesmo pedido à ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, e ao ministro da Fazenda, Guido Mantega. Ao deixar a audiência com o presidente, onde fez um levantamento sobre a caravana estudantil que discutiu a saúde dos jovens, nas universidades, Lúcia disse que repetiu que era preciso mudar a política macroeconômica do País. "Para sairmos da crise é preciso que o presidente (Lula) demita o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles", afirmou Lúcia. Ela disse que o presidente não reagiu ao pedido e sugeriu que uma caravana da UNE vá a Santa Catarina prestar apoio às vítimas das chuvas. Lúcia disse que defendeu também, na audiência, a importância da aprovação, pelo Congresso Nacional, do projeto de lei que garante à UNE e a outras entidades estudantis o controle da emissão da carteira de meia-entrada, que hoje pode ser emitida até por entidades de ensino.

Tudo o que sabemos sobre:
UNELulaMeirelles

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.