Presidente da CPI dos Bingos quer mais 60 dias

O presidente da CPI dos Bingos, senador Efraim Moraes (PFL-PB), anunciou que está encaminhando ao plenário do Senado requerimento pedindo a prorrogação do prazo de funcionamento da CPI por mais 60 dias a partir do dia 25 de abril, para quando estava prevista a conclusão dos seus trabalhos. Ele deu a informação após rebater afirmação da líder do PT Ideli Salvatti (SC). Ao reagir a um requerimento do senador Antero Paes de Barros (PSDB-MT) para que fosse investigado o envolvimento do PT com o jogo de bicho em Santa Catarina, Salvatti afirmou: "Mas também esta CPI não tem nada a ver com nada a ver". levou Efraim a reagir: "A Sra. respeite a CPI se quiser ser respeitada. Parece que esta comissão perturba e faz medo a seu partido, porque está fazendo tudo com responsabilidade, com transparência, não tem cara de pizza e não vai haver acordo, não".A CPI vai ouvir o depoimento do ex-tesoureiro do PPS Rui Vicentini, que denunciou ter sido procurado pelo então secretário-geral do PT Silvio Pereira e pelo ex-secretário de Abastecimento de São Paulo Valdemir Garreta, que lhe teriam oferecido R$ 4 milhões para que o PPS apoiasse a candidata do PT à reeleição para a prefeitura de São Paulo, Marta Suplicy.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.