Presidente da Câmara diz que que Palocci tem de se explicar

Marco Maia, do PT, defendeu, no entanto, que não se deve tratar a questão do ministro da Casa Civil como disputa política entre governo e oposição

Denise Madueño, de O Estado de S. Paulo

01 de junho de 2011 | 17h13

O presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), afirmou que o ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, tem de dar explicações sobre a evolução de seu patrimônio, mas que essa questão não pode ser tratada como uma disputa entre governo e oposição. Ele preferiu transferir ao Ministério Público a decisão de investigar ou não suposta prática de tráfico de influência pelo ministro por meio da Projeto, empresa de propriedade de Palocci.

Veja também:

link Comissão da Câmara aprova convocação de Palocci

blog Deputado que driblou governo e convocou ministro é um 'Neymar' da política

"Ele tem de se explicar", disse Maia, que continuou: "Também acho que ele está fazendo isso na Procuradoria da República. Eu prefiro aguardar a manifestação da procuradoria. Não se pode transformar em disputa de governo e oposição. A procuradoria tem de tratar do assunto e tomar uma decisão de investigar ou não. Aqui na Câmara o debate é político e não serve para ninguém", completou Maia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.