Presidente da Câmara diz que caso Waldomiro está passando

O presidente da Câmara, deputado João Paulo Cunha (PT-SP), disse há pouco considerar que o caso Waldomiro "está passando". "Foi um período difícil para todos os envolvidos nesse ambiente", observou João Paulo, referindo-se às denúncias de envolvimento do ex-assessor do Palácio do Planalto Waldomiro Diniz com o bicheiro Carlinhos Cachoeira. "Agora, minha impressão é de que o ambiente começa a se acalmar, se isso é verdade, precisamos aproveitar e apontar para o futuro". Ele fez essas afirmações em entrevista coletiva.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.