Presa quadrilha acusada de roubo de cargas

A Delegacia de Estelionato e Roubo de Cargas de Curitiba prendeu, hoje, uma quadrilha de roubo de cargas, que estava com um carregamento de 1.300 caixas de cigarros. Os produtos roubados estavam em dois caminhões que tinham saído de Cachoeirinha (RS) e iriam para São Paulo. Os caminhões foram retirados durante a noite da transportadora Marbo, na BR-116, depois que os assaltantes renderam os funcionários. A polícia iniciou as buscas e encontrou os dois caminhões, por volta de 8h da manhã, em um barracão, no município de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. No local foram presos os irmãos Sandro e Vilmar Priviateli, moradores em Cascavel, no oeste do Paraná. Por volta das 10h, Nilson Soares da Silva, também de Cascavel, chegou trazendo lanche e foi detido. De acordo com o delegado Armando Marques Garcia, o pai dos irmãos Priviateli, Ercílio, que é dono de uma transportadora em Cascavel, telefonou para o barracão sem saber que a polícia já tinha encontrado os caminhões, o que leva a supor que ele tinha conhecimento do roubo. Garcia disse que também pediria a prisão de Ercílio. "Devem ter outros nomes na quadrilha", acredita o delegado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.