Prêmio de time em Alagoas foi pago com verba pública, diz PF

O prêmio de mais de R$ 100 mil que os jogadores da Associação Atlética Coruripe receberam pela conquista do Campeonato Alagoano de Futebol de 2007 foi pago com dinheiro da Assembléia. A conclusão é da Polícia Federal, depois de tomar o depoimento do diretor de futebol do clube, Rosiwelington da Silva Tavares. "O diretor de futebol revelou que os dois repasses, no valor de R$ 49,8 mil e R$ 60 mil, teriam como objetivo o pagamento dos jogadores do clube campeão, mas não sabia de quem teria partido a iniciativa de efetuar o pagamento com dinheiro da Assembléia", afirmou o delegado Sandro Augusto, da assessoria de imprensa da PF.A Polícia Federal desconfia que a ordem para pagar o prêmio dos jogadores tenha partido do deputado estadual João Beltrão (PMN), presidente de honra do clube. Beltrão nega ter feito a operação, mas confirma ter recebido empréstimo de R$ 150 mil, usando a Assembléia como avalista. Pelo menos 12 dos 27 deputados já foram indiciados pela PF acusados de participação no golpe, entre eles o presidente afastado Antônio Albuquerque (DEM) e mais cinco integrantes da Mesa Diretora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.