Prefeito pede que Lula seja candidato

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi recebido com gritos de "Lula, Lula. Brasil pra Frente, Lula Presidente" em evento no município de Queimados, na Baixada Fluminense. O evento começou às 11h30, com uma hora e meia de atraso. O governo federal está destinando R$ 56 milhões para programas de saúde nos municípios da Baixada Fluminense, sendo R$ 40 milhões para terminar a construção do Hospital Geral de Queimados, que está há 13 anos inacabado. O evento é feito em frente à estrutura de concreto que virá a ser o hospital. O prefeito de Queimados, Rogério do Salão (PL-RJ) pediu que Lula se candidate à reeleição. "Não tenho dúvida de que o segundo mandato será muito mais brilhante", afirmou. Prefeitos de vários municípios do Rio, não só da Baixada Fluminense, estavam presentes ao evento, onde também estava o ministro da Saúde, Saraiva Felipe. Após o evento em Queimados, o presidente seguiu para o Inmetro, em Xerém, no município de Duque de Caxias. Nesta tarde, o presidente viaja para o Acre.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.