Prefeito é preso no PR acusado de homicídio

O prefeito de Itaipulândia (PR), Laudair Bruch (PTB), que assumiu o cargo há 10 dias em razão da morte de Vendelino Royer, executado com cinco tiros, foi preso quando estaria tentando fugir da cidade. De acordo com a polícia, Bruch, que era vice de Royer, foi o mandante do assassinato, em razão de desavenças políticas. Ele era secretário das Finanças e tinha sido exonerado do cargo havia dois meses. Outras seis pessoas acusadas de participar do crime estão presas. Segundo o delegado Alexandre Macorin, Bruch negou envolvimento no assassinato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.