Prefeito de Florianópolis é condenado por improbidade

Justiça afirma que, durante construção de avenida, foram verificadas diversas irregularidades

João Paulo Carvalho, do estadão.com.br

17 de agosto de 2011 | 17h58

A Justiça Federal condenou o prefeito de Florianópolis, Dario Elias Berger (PMDB), por atos de improbidade administrativa referentes à construção da avenida Beira-Mar, que fica em São José, município localizado na região metropolitana da cidade.

O juiz Osni Cardoso Filho, da 3ª Vara Federal de Florianópolis, em sentença publicada nesta quarta-feira, 17, aplicou ao ex-prefeito as penas de perda da função pública, suspensão dos direitos políticos por cinco anos e pagamento de multa de R$ 50 mil. Berger, entretanto, pode recorrer da decisão.

O juiz afirma que durante a construção da avenida foram verificadas diversas irregularidades, como superfaturamento de valores e execução da obra sem a elaboração de projeto básico. O projeto havia recebido recursos federais. Além de Berger, também foi condenado o ex-secretário de Transportes e Obras de São José, Djalma Vando Berger, irmão do prefeito.

Tudo o que sabemos sobre:
improbidadecondenaçãoFlorianópolis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.