Prefeito de cidade mineira é assassinado no litoral do ES

Gilberto Souza e Silva (DEM) estava em um bar na orla de Piúma quando foi baleado com tiros na cabeça e nuca

Roberto Almeida, de O Estado de S.Paulo

14 Janeiro 2008 | 16h16

O prefeito de São Francisco do Glória, cidade da Zona Mata mineira, foi assassinado na noite de domingo, por volta das 21 horas, com quatro tiros. Gilberto Souza e Silva (DEM) estava em um bar na orla de Piúma, no litoral sul do Espírito Santo, quando foi baleado. De acordo com o delegado de Piúma, Milton Sabino, o prefeito foi alvejado pelas costas, com tiros na cabeça e na nuca.  Segundo testemunhas, ele aguardava em uma mesa quando um homem saltou de uma moto, efetuou os disparos e fugiu. "Vamos buscar informações com familiares para entender a motivação", afirma o delegado. "Por enquanto, não acredito em crime político, mas não descarto totalmente a hipótese", declarou o vice-prefeito, Luciano Dias. "Estamos chocados, nem tivemos tempo para raciocinar."  A cidade mineira, de pouco mais de 3 mil habitantes, está parada. O comércio está fechado após ter sido decretado luto de três dias. O corpo do prefeito será enterrado nesta terça-feira, às 9 horas.

Mais conteúdo sobre:
Gilberto Souza e Silva

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.