Prefeito de BH aparece em comercial de shopping

Empresa do grupo que administra o empreendimento consta no TSE como doadora na campanha de Pimentel; promotor não vê irregularidade

Eduardo Kattah, O Estadao de S.Paulo

22 de novembro de 2007 | 00h00

O prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel (PT), causou polêmica ao aparecer como garoto-propaganda em um comercial do BH Shopping, veiculado em emissoras de TV. O empreendimento privado, o primeiro do gênero inaugurado na capital mineira, vai investir R$ 71,6 milhões na sua expansão. Na peça, Pimentel destaca a importância do shopping para o desenvolvimento de BH. A miss Brasil, Natália Guimarães, também participa do comercial. A Rede Nacional de Shoppings Centers (Renasce), empresa do grupo Multiplan, administradora do shopping, figura no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) como doadora de R$ 200 mil para a campanha à reeleição do prefeito em 2004. Foi a maior doação feita pela empresa para candidatos a prefeito, num total de R$ 527 mil, segundo o TSE. De acordo com o Ministério Público Estadual, o coordenador das promotorias eleitorais, Edson de Resende Castro, a princípio, não identificou nenhuma irregularidade. A assessoria de imprensa da prefeitura negou qualquer relação entre a doação eleitoral e a participação de Pimentel - que não recebeu cachê - na propaganda. Conforme a assessoria, a gravação não tem caráter comercial e é uma "rotina" do prefeito, sempre que solicitado, prestar depoimentos semelhantes, desde que a empresa ou instituição tenha importância para o desenvolvimento da cidade. A assessoria observou, por exemplo, que Pimentel já deu declarações para campanhas de veículos de comunicação em Minas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.