Prefeito afasta secretário preso em Sorocaba

O prefeito Vitor Lippi (PSDB) afastou do cargo o secretário de Desenvolvimento Econômico, José Dias Ferrari, preso hoje pela Polícia Civil acusado de envolvimento num esquema de cobrança de propina. Outro acusado, o secretário de Governo, Maurício Biazotto, também preso hoje, já havia se afastado do posto em razão da denúncia.

JOSÉ MARIA TOMAZELA, Agencia Estado

13 Outubro 2009 | 19h48

Eles foram acusados da cobrança de propina para aprovar a instalação de postos na cidade. Lippi disse que os secretários somente serão exonerados quando a denúncia ficar comprovada.

Os secretários e o engenheiro Jefferson Ayres, funcionário da Secretaria Municipal de Habitação, também envolvido na denúncia, foram levados para a Cadeia Pública de Itu. Outra acusada, Valéria Cavaler, mulher de Biazotto, foi para a Cadeia Feminina de Votorantim.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.