PPS quer convocar Petrobrás e ANP para esclarecer vazamento no pré-sal

Deputado disse que episódio aumenta preocupação em relação às operações na região

estadão.com.br

01 de fevereiro de 2012 | 15h40

O deputado federal Arnaldo Jardim (PPS-SP) afirmou nesta quarta-feira, 1º, que pretende pedir a convocação dos presidentes da Petrobrás e da Agência Nacional de Petróleo (ANP) para dar esclarecimentos à Câmara sobre o vazamento de petróleo em área do pré-sal.

 

O vazamento ocorreu nesta terça-feira, 31, no campo de Carioca Nordeste, na Bacia de Santos, segundo nota divulgada pela Petrobrás. "Sabemos da complexidade e dos cuidados que devem ser adotados na exploração do petróleo na camada do pré-sal, e um fato como esse só aumenta a preocupação em relação a este tipo de operação", disse Jardim, que é membro da Comissão de Minas e Energia da Câmara.

 

"O pré-sal tem de apresentar resultados positivos para o Brasil sem o comprometer o meio ambiente e encarecer este tipo de prospecção com ações para conter vazamentos", acrescentou o deputado. Jardim prometeu protocolar na próxima semana um requerimento de audiência pública para que a Petrobrás e a ANP expliquem a situação.

 

Para o deputado, o rigor na investigação deve ser o mesmo usado no acidente causado pela Chevron em novembro do ano passado. "A apuração deste novo derramamento de petróleo tem de obedecer aos mesmos critérios", defendeu Jardim. "Será preciso reformar e multiplicar as ações para evitar os acidentes."

Tudo o que sabemos sobre:
PetrobrásANPArnaldo Jardim

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.