PPS pedirá investigação sobre desvios na Cruz Vermelha

O líder do PPS na Câmara, deputado Rubens Bueno (PR), afirmou neste sábado que vai protocolar no Ministério Público Federal (MPF) um pedido para que o órgão investigue suspeitas de irregularidades na Cruz Vermelha do Brasil.

RICARDO DELLA COLETTA, Agência Estado

26 de julho de 2014 | 17h01

De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, uma auditoria internacional revelou que doações arrecadadas em 2011 para campanhas humanitárias foram desviadas. Os recursos, que somariam ao menos R$ 2,3 milhões, teriam ido para aplicações e para uma ONG da mãe de um ex-dirigente da entidade sediada no Maranhão.

"Esse escândalo não pode ficar sem respostas. Nós, integrantes da Frente Parlamentar em Defesa da Cruz Vermelha, precisamos nos mobilizar, somar esforços, para que todas essas denúncias sejam esclarecidas e os responsáveis, punidos", declarou Bueno, em nota encaminhada pela assessoria de imprensa do partido.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2014PPSCruz Vermelha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.