PPS, PDT e PTB preparam aliança nacional

As executivas do PPS, PDT e PTB reúnem-se no próximo dia 21 para decidir a aliança em torno da candidatura de Ciro Gomes à presidência da República. Até lá, cada partido discute as eleições em caráter regional. "Queremos uma aliança nacional, com candidatos únicos a todos os cargos majoritários. Então, temos primeiro que discutir com os diretórios regionais", disse o presidente de honra do PDT, Leonel Brizola. Hoje, líderes dos três partidos reuniram-se durante cinco horas na residência de Brizola, no Rio, para começar a acertar propostas para questões como segurança, emprego, saúde e educação. Estiveram presentes, além de Brizola e Ciro Gomes, o presidente nacional do PTB e o líder do partido, José Carlos Martinez e Roberto Jeferson, e o presidente do PPS, Roberto Freire. Na reunião do dia 21, cada executiva levará as questões levantadas durante as conversas regionais. "Estamos otimistas com o fechamento da aliança", adiantou Brizola. "Procuramos uma saída nacional para os problemas brasileiros, para livrar o País do jugo estrangeiro", disse Gomes. Um dos resultados práticos da aliança seria o aumento do tempo que o candidato terá para sua campanha na TV.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.