PPS homenageia Itamar Franco por 'feitos políticos'

Ex-presidente deixou o PMDB no ano passado depois de ser preterido como candidato ao Senado

Eduardo Kattah, do Estadão,

23 de julho de 2007 | 20h34

Numa ofensiva para atrair Itamar Franco (sem partido), o diretório mineiro do PPS homenageou nesta segunda-feira, 23, o ex-presidente com uma placa alusiva "aos feitos políticos e administrativos do período em que esteve à frente dos destinos do País". A placa reproduz uma moeda dourada de R$ 1.   Segundo o presidente do PPS-MG, Paulo Elisiário Nunes, a manifestação deve-se ao fato de a participação de Itamar no processo de estabilidade da economia não ser devidamente reconhecido. A cerimônia foi realizada na sede do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG), no gabinete do Conselho Administrativo, presidido por Itamar.   O ex-presidente deixou o PMDB no ano passado depois de perder para o ex-governador Newton Cardoso na convenção que indicou o candidato do partido ao Senado. Desde o início do ano, ele vem sendo assediado pelo PPS e já se reuniu com o presidente nacional da legenda, Roberto Freire. "Não fomos fazer convite de filiação, mas nos sentiríamos honrados em tê-lo nas nossas hostes", disse Nunes. Itamar foi convidado para participar de uma conferência do partido em Brasília, no mês de agosto.

Tudo o que sabemos sobre:
itamar franco

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.