PPS apóia candidatura alternativa à Câmara, diz Freire

O presidente nacional do PPS, deputado Roberto Freire (PE), informou nesta terça-feira que a Comissão Executiva Nacional do partido decidiu recomendar à sua bancada de deputados federais que apóie a chamada candidatura alternativa à presidência da Câmara.Durante reunião realizada em Brasília, a legenda decidiu apoiar o candidato que ainda deve ser lançado nesta terça-feira por um grupo suprapartidário de parlamentares. "A orientação é para ser uma candidatura alternativa", disse Freire. "Nem Aldo, nem Arlindo", concluiu, referindo-se aos dois deputados que estão na disputa - o atual presidente da Casa, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), e o líder do governo, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP).O presidente do PPS disse também que, caso o lançamento de uma candidatura alternativa não se concretize, a legenda não apoiará formalmente Aldo ou Chinaglia. "Se houver um segundo turno, a bancada é que vai decidir", afirmou Freire.Para ele, a candidatura de Chinaglia representa a "legitimação" de irregularidades como os escândalos do mensalão, dos sanguessugas e do dossiê Vedoin. E a de Rebelo, na avaliação de Freire, nada representa de diferente, pois é "serviçal do Palácio do Planalto e do PT".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.