População pode ajudar a abrandar epidemia de dengue, diz Marta

A prefeita de São Paulo, MartaSuplicy (PT) voltou a admitir que a cidade deverá enfrentar umaepidemia de dengue. Mas fez a ressalva de que "ela pode serdevastadora ou branda", vai depender da colaboração de todos oscidadãos. "Eu sinto que a população está disposta a colaborar",disse esta manhã na Escola Municipal Érico Veríssimo, no bairroda Freguesia do Ó, zona norte, em evento do "Dia D" de combateà dengue.Marta assistiu a um vídeo educativo, com esclarecimentosde pontos importantes sobre a doença, e a um cordel apresentadopor agentes comunitários e da área da Saúde de Cruz das Almas,com alerta sobre a importância de combater o mosquito Aedesaegypti, transmissor da dengue. Depois a prefeita saiu pelasruas do bairro acompanhada pelos secretários municipais de Saúde Eduardo Jorge, e de Implementação das Subprefeituras, JilmarTatto, além do deputado federal e pré-candidato do PT ao governodo Estado, José Genoíno. A caravana visitou várias borrachariase residências do bairro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.