População apóia reforma da Previdência, afirma Mercadante

O líder do governo no Senado, Aloizio Mercadante (PT-SP), disse hoje que a população brasileira apóia a reforma previdenciária e sabe que ela é indispensável, em referência à greve dos servidores públicos, que pedem a retirada da proposta da pauta do Congresso. Segundo ele, há 40 milhões de brasileiros fora do sistema de Previdência Social e, dos 21 milhões de aposentados do setor privado, 16 milhões ganham apenas até um salário mínimo (R$ 240). Portanto, segundo ele, a reforma busca criar mais justiça entre os dois sistemas previdenciários: o público e o privado. Mercadante afirmou, também, que a reforma previdenciária do setor público não atinge praticamente a quem ganha até R$ 1.058 00. Argumentou, ainda, que muitos municípios e Estados gastam mais com servidores inativos do que com os em atividade e, com isso, não há dinheiro para investirem nas atividades-fins, como alfabetização, melhoria da qualidade da saúde e segurança pública.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.