Policiais tentam conter avanço do MST à fazenda de Aloysio

Cerca de 20 policiais militares e civis, com sete viaturas, estão bloqueando desde as primeiras horas da manhã uma estrada vicinal no município de Guzolândia, região de Araçatuba, para impedir que trabalhadores sem-terra comandados pelo MST cheguem à fazenda da família do ex-ministro da Justiça Aloysio Nunes Ferreira. A fazenda fica a 7 quilômetros da cidade e os sem-terra estão indo em direção dela através da rodovia Feliciano Sales Cunha (SP-310).O bloqueio policial está montado próximo do trevo de acesso à Guzolândia. As viaturas estão atravessadas na estrada vicinal - os policiais exibem armas pesadas e estão usando coletes à prova de balas. Dois técnicos do Instituto de Terras do Estado de São Paulo (Ipesp) foram enviados ao local do bloqueio com a missão de tentar evitar um conflito entre os trabalhadores e a polícia. O MST ameaça invadir a fazenda de Aloysio Nunes se o governo federal não responder ainda hoje ao pedido de assentamento de 300 famílias que estão acampadas na região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.