Policiais recuperam objetos de saque

Policiais civis e militares recuperaram parte das mercadorias saqueadas por vândalos e marginais durante o "arrastão" da greve da polícia, na semana passada. Dezenas de eletrodomésticos como televisores, computadores, micro-sistems, liquidificadores, cafeteiras, além de fogões, geladeiras, armários de cozinha, mesas e até roupas foram recuperadas em casas de moradores do Centro Histórico, no Nordeste de Amaralina e Vale das Pedrinhas, bairros próximo à orla marítima de Salvador e habitados pela população de baixa renda. Os delegados Rui da Paz e Orlando Dourado, afirmam que estão em contato com os lojistas para proceder à devolução.Várias pessoas foram detidas, entre elas alguns menores. Outros estão sendo encaminhados à Casa de Detenção, já que são presos de justiça, alguns fugitivos, ou que tiveram a prisão decretada. Policiais, que preferem não se identificar, garantiram que a ação busca também apagar a má imagem, segundo eles divulgada pela imprensa, de que a própria polícia teria promovido e participado dos arrastões. "Tudo o que queremos é um salário que possa pagar as contas", disse um sargento, que participou da operação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.