Polícia prende quadrilha que fraudava vestibulares

A Polícia Civil do Amazonas deteve hoje dez integrantes de uma quadrilha internacional especializada em vender aprovação em concursos vestibulares por meio de sofisticado sistema eletrônico de transmissão de gabaritos. A prisão ocorreu durante a realização do vestibular para a Universidade do Estado do Amazonas (UEA), em Manaus.A prisão mais importante foi de Jorge Nascimento Dutra, um dos chefes da quadrilha, suspeito de também fraudar vestibular em Vitória, no Espírito Santo. A prisão somente foi possível graças ao forte esquema de segurança montado pela UEA para impedir fraudes. "Há três anos montamos esse esquema para garantir a credibilidade de nosso vestibular", disse Lourenço Braga, reitor da UEA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.