Polícia prende ex-prefeito de Bauru

O ex-prefeito de Bauru Antonio Izzo Filho foi preso ontem em sua fazenda, em Avaí, sob acusação de participar de esquema de cobrança de propina de uma empresa de transporte coletivo, entre janeiro de 1997 e agosto de 1998. Segundo o Ministério Público, a empresa era obrigada a pagar propina mensal, sob a ameaça de ter retidos valores referentes à venda de passes. O esquema teria obtido indevidamente R$ 2,3 milhões. O advogado do ex-prefeito, Ailton José Gimenez, informou que entrará com pedido para que ele tenha o direito de aguardar o julgamento do recurso em liberdade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.