Polícia Federal pede ajuda da FAB para retirar garimpeiros

A PolíciaFederal do Pará pediu ao Ministério da Aeronáutica um avião da FAB para transportar seus agentes que vão tentar retirargarimpeiros encontrados extraindo ouro dentro da reserva dos índios caiapós, em São Félix do Xingu, no sul do Estado. Oprazo que os índios deram para a saída pacífica dos garimpeiros terminou à meia noite de ontem. A greve dos policiais federais, segundo a delegada da PF Cristiane Machado, está influenciando no deslocamento dosagentes até São Félix do Xingu, mas se nenhum outro problema acontecer a operação deve começar nesta quarta-feira. "Aregião onde se localizam as aldeias caiapós é muito extensa e problemática", disse Machado. Em cerca de 3,8 milhões de hectares- equivalentes ao tamanho dos estados de Sergipe e Paraíba juntos- existem 25 aldeiasdas tribos caiapós e paracanã, onde vivem 4,5 mil índios. Em três delas foram instalados postos de vigilância para impedir aentrada de madeireiros, fazendeiros e garimpeiros. A fiscalização dos órgãos ambientais sobre as florestas ainda intactas émuito difícil em razão das longas distâncias e do isolamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.