Polícia Federal marca para segunda-feira depoimento de Arruda

Também foi marcado o depoimento do ex-secretário de Comunicação do DF Weligton Moraes, na Penitenciária da Papuda

Agência Brasil

25 de março de 2010 | 18h51

A Polícia Federal marcou para esta segunda-feira, 29, de manhã, o depoimento do ex-governador cassado do Distrito Federal José Roberto Arruda, preso desde o dia 12 de fevereiro por ordem do Superior Tribunal de Justiça (STJ) por tentativa de suborno de testemunha do suposto esquema de distribuição de dinheiro a parlamentares do DF, investigado pela Operação Caixa de Pandora.

 

Também foi marcado para segunda-feira o depoimento do ex-secretário de Comunicação do Distrito Federal Weligton Moraes, na Penitenciária da Papuda, onde está preso também desde o dia 12 de fevereiro.

 

Os demais presos por determinação do STJ também por obstrução da Justiça, o suplente de deputado Geraldo Naves; o ex-diretor da Companhia Energética de Brasília Haroaldo de Carvalho e o assessor do ex-governador Rodrigo Arantes devem depor até a próxima quinta-feira, 25, segundo informou a Polícia Federal.

Mais conteúdo sobre:
Polícia FederalArrudaDEMDF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.