Polícia Federal intima ex-adido policial dos EUA

A Polícia Federal anunciou nesta segunda-feira, em nota oficial, que intimou o ex-adido policial dos Estados Unidos no Brasil, Carlos Costa, a prestar depoimento formal sobre as denúncias feitas em entrevista à revista Carta Capital, de 24 de março de 2004, de que os EUA "compraram a Polícia Federal" brasileira.Na nota, a corporação afirma que a relação entre os governos dos dois países são antigas e esclarece que, com a chamada criminalidade transnacional, alguns delitos de implicações internacionais, como a lavagem de dinheiro, tornaram-se foco de interesse investigatório, não apenas do governo do Brasil e dos EUA, como também da maioria dos países.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.