Polícia Federal aguarda entrega do passaporte de Lula

Decisão de magistrado de primeira instância provoca movimentação na porta da corporação em São Paulo

Marcelo Osakabe, O Estado de S.Paulo

26 Janeiro 2018 | 09h56

A expectativa de que a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entregue o passaporte do petista nesta manhã de sexta-feira, 26, na sede da Polícia Federal, em São Paulo, já provoca movimentação da imprensa na porta da instituição. Na quinta, 25, o juiz Ricardo Leite, da 10.ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal, ordenou a apreensão do passaporte do ex-presidente, citando sua condenação a 12 anos e 1 mês de reclusão em regime fechado no caso triplex e afirmando ver "real e iminente probabilidade" da prisão do petista.

O advogado Cristiano Zanin Martins, que defende Lula, disse que recebeu com "estarrecimento" a decisão proferida pelo juízo da 10.ª Vara Federal de Brasília que proibiu Lula de deixar o País e determinou a apreensão do seu passaporte. O petista viajaria na madrugada desta sexta para a Etiópia, a convite da União Africana para participar de um encontro com líderes mundiais, para fazer um balanço de um encontro ocorrido há 5 anos, para tratar do problema da fome na África.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.