Polícia agride manifestantes na Bahia

A tropa de choque da Polícia Militar da Bahia dispersou com violência uma manifestação de estudantes e sindicalistas que pedia a cassação do senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA), no centro da capital baiana. Com faixas e cartazes cobrando ética na política e punição para os responsáveis pela violação do painel do Senado, os manifestantes saíram da Praça do Campo Grande em direção à Praça da Piedade por volta das 10h30. A confusão começou quando eles retornavam para o Campo Grande, em direção ao Bairro da Graça, onde mora ACM. Leia mais no site do Estados

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.