Pneus de jato da Vasp estouram na aterrissagem

Os passageiros do Airbus 300 da Vasp que fazia o vôo Recife/Porto Alegre, com escalas em Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo, passaram por um grande susto nesta manhã, quando oito pneus da aeronave estouraram durante uma aterrissagem no Aeroporto Luís Eduardo Magalhães, da capital baiana. O piloto conseguiu controlar o jato que parou na cabeceira da pista principal, sem causar ferimentos entre os 57 passageiros e 11 tripulantes. Fontes da empresa na Bahia disseram que ocorreu um problema no sistema de freios, obrigando o piloto a acionar o freio de emergência para parar a aeronave. Houve muita gritaria e histeria no momento do incidente, mas a tripulação conseguiu controlar os passageiros que seguiram viagem pouco depois, em aviões de outras companhias. Durante toda a manhã, a pista principal do aeroporto de Salvador ficou interditada. As decolagens e pousos foram transferidas para a pista auxiliar. A Infraero, que administra o aeroporto, estimava que a pista principal será liberada até o final da tarde desta tarde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.